terça-feira, 21 de abril de 2009

Amor Próprio - Caroline Mendes

Amor Próprio

Eu, durante toda a vida
Tenho a mim para tudo:
Rio, choro, caio, levanto
Enxugo o meu pranto.

Desde o nascimento
Até a minha morte,
Eu estarei comigo
Como único amigo!

A mim é difícil enganar
Ou mesmo machucar
Pois quem me entende
Senão eu? ...Compreende?

Mermaid, por John W. Waterhouse

Caroline Mendes

11 comentários:

eu-amo-a-ey disse...

Mesmo assim tem gente que vive se enganando a vida inteira.

Beijos!

Márcio Vandré disse...

Nós somos apenas o reflexo de nós mesmos.
Das lutas ensimesmadas, inclusive.

A nossa batalha principal da sobrevivência não é com os outros, mas com um inimigo potencialmente conhecido e que vemos diante do espelho todos os dias.

Belo jeito de trazer o tema.
Parabéns! :)
Beijos! =*

Márcio Vandré.

Bruno disse...

Muito Lindo (decoração)

Marinho, F. disse...

Que lindo, Carol!

Sabe que eu pensei nisso outro dia e tenho me fortalecido bastante para coisas que a vida possa me dar de ruim ou de bom?

Quem maais poderia me ser mais importante que eu mesma, caraca?

Pelo menos eu sou quem eu poderei confiar pelo resto da vida. E pronto.

E não me sinto sozinha por causa disso.

Adorei.

Lindo lindo.

http://espelhoinverso.blogspot.com/

lucas disse...

Ei, é o lucas da tua sala, ei, meu primo faz uns poemas que eu acho massa, vo ve se te mando uns...

mateus disse...

Cada pessoa tem "muinto de si para si mesmo".Acho que nenhuma pessoa nos conhecerá tão bem quanto nos mesmos,nunca deixamos trasparecer tudo.

punXpiD3r disse...

"Tenho a mim para tudo:
Rio, choro, caio, levanto
Enxugo o meu pranto."
Se não for eu a fazê-lo,quem mais faria?Se não for meu melhor amigo,quem mais seria?
Adoro teu blog frô
te desejo sucesso com ele
www.conversacommeusbotoes.blogspot.com

José disse...

as vezes, amor proprio não condiz em salvação. falamos de um final então. amor proprio é a pena que temos de si mesmos.

Lucas Vallim disse...

"o bloco do eu sozinho"

Esse nome combina bem com este post. Adorei tua forma de poesia, muito bom.

Estou te adicionando em minha lixta de blogs, se quiser me adicionar também pode ficar à vontade!

Até logo!

Éter Na Mente disse...

"Desde o nascimento
Até a minha morte,
Eu estarei comigo
Como único amigo!"

Não creia nisso. Apesar de ninguém poder enxergar atravéz de seus olhos, ou sentir as dores de seu coração, existem pessoas q estarão sempre te acompanhando nessa linda jornada da vida.

Abraços frsternais

Sir Edison Gil disse...

Como dizia o meu professor Raulzito: "EU sou EU! Nicuri é o Diabo!"